Espero que gostem, que sigam e comentem.

06 junho, 2011

Começei por olhar para ti. E agora, devido a um olhar, estou total e completamente apaixonada por ti. Á primeira impressão até pode parecer um amor demente e até mesmo desnecessário, mas ao longo dos tempos provaste que é muito mais que isso. E tudo começou de uma forma imprevisivel. De uma forma tão simples, que até faz desejar mais. Sinto, realmente, que preciso da tua mão quando caio, do teu sorriso para mostrar que tudo está bem, da tua dicção de voz reconfortante quando estou ansiosa, do teu beijo para me calar, do teu abraço para me aquecer, da tua presença para me sentir segura e do teu amor para me sentir útil. E aliás, quem ainda não amou? Quem não me percebe? É uma coisa tão normal, tão simples, mas tão precisa. E tu mostraste-me que nem sempre é impossível, que há sempre outra opção, provavelmente melhor. Que motivos tenho para estar descontente ao teu lado? Se te tenho a ti, tenho tudo. E espero que assim continue. Não quero ter saudades da tua mão quando caio, do teu sorriso para mostrar que tudo está bem, da tua dicção de voz reconfortante quando estou ansiosa, do teu beijo para me calar, do teu abraço para me aquecer, da tua presença para me sentir segura e do teu amor para me sentir útil, quero mesmo tê-los sempre comigo. nem fazes ideia da tua importância, nem tem noção do quanto és essencial. Simplesmente, amo-te.

2 comentários:

  1. Que lindo o blog, e gostei muito do que você escreve. Claro que estou seguindo de volta, beijos.

    ResponderEliminar