Espero que gostem, que sigam e comentem.

27 maio, 2011

Essas tua ostentações (já) comuns só me fazem sofrer. E o puder de sequer olhar para ti (já) aumentou. A tua lábia pouco refrescante atacou, por certo, tudo aquilo que tu tornaste possível, mas que agora está a cair lentamente no esquecimento do meu coração. Vivo a pensar em ti. Sonho contigo até ao último segundo de sono. Já não suporto olhar para ti, pensar que alguma vez estive contigo porque quis.

2 comentários:

  1. Muitíssimo obrigada querida (por comentares e seguires) . É claro que sigo de volta **
    Beijinhoo :')

    ResponderEliminar